MERCADO LIVRE: Saiba tudo sobre essa funcionalidade Bagy!

Uma nova funcionalidade foi liberada no App Bagy Vendas: a integração com o Mercado Livre. Nós pensamos que isso pode ser uma ótima forma de alavancar as suas vendas, e por isso integramos tudo no mesmo aplicativo.

Agora você poderá disponibilizar os seus produtos no seu site Bagy e na sua loja no Mercado Livre, e acompanhar todas as suas vendas e o controle do seu estoque no mesmo lugar.

Quer saber como funciona? Preparamos este material, para te explicar tudo sobre essa nova função. Confira!

Primeiro, é importante que você seja um assinante Bagy, caso ainda não seja, clique aqui e tenha sua loja em menos de 15 minutos!

Depois que você preencher todas as informações necessárias para colocar sua loja no ar, é hora de autenticar o Mercado Livre. É muito simples! Basta seguir os passos:

  1. No rodapé do aplicativo, clique no ícone AJUSTES. 
  2. Escolha a opção MERCADO LIVRE.
  3. O status da conta aparecerá como “não autorizada”. Clique em STATUS DA CONTA. 
  4. É hora de autorizar o Mercado Livre. Você deverá digitar o seu email ou nome de usuário do Mercado Livre. Caso ainda não tenha uma conta no Mercado Livre, clique aqui.
  5. Depois de digitar o nome do usuário, você deverá colocar a sua senha do Mercado Livre. 
  6. Após fazer o login, aparecerá uma tela de Autorizar Mercado Livre. Você deve clicar em PERMITIR. 
  7. Depois de permitir, o status da sua conta será AUTORIZADA. Você deverá escolher um tipo de anúncio: Clássico ou Premium. E clicar em SALVAR.

 Agora é hora de cadastrar um produto! Para isso é muito simples, confira o passo a passo:

  1. No rodapé do aplicativo, clique no ícone INVENTÁRIO
  2. No canto inferior direito existe um círculo rosa com sinal +. Clique nele para adicionar um novo produto. 
  3. Agora é hora de escolher as fotos do seu produto. Você deve clicar em um dos 4 quadrados cinzas e definir se quer usar fotos do seu Instagram, ou se quer usar fotos do seu celular. Depois disso, basta escolher as melhores fotos e clicar em CONFIRMAR.  
  4. O próximo passo é definir o nome do produto. Essa é uma etapa muito importante, por isso lembre-se de colocar um nome bem completo e que seja esclarecedor para o seu cliente. Depois disso, clique em CONTINUAR. 
  5. Agora, você deve escolher uma categoria para agrupar o seu produto. Após escolher, automaticamente você irá para a próxima etapa. 
  6. Nesta etapa, você deve definir se o produto possui gênero (feminino ou masculino), ou se é unissex. Após definir, você irá automaticamente para a próxima etapa. 
  7. Agora você precisa definir se o produto tem variação de tamanho. Caso a resposta seja sim, você deverá preencher quais variações e a quantidade em estoque, clicando no botão azul INSERIR UMA NOVA e depois clicando em continuar. Caso a resposta seja negativa, você deve clicar em não e prosseguir para a próxima etapa. 
  8. Se o seu produto não possuir variação, você deverá preencher a quantidade do produto em estoque e clicar em CONTINUAR. 
  9. Agora você deve preencher as dimensões da embalagem que você irá enviar o produto. Já tem no aplicativo os 3 formatos permitidos pelos Correios. Você deve escolher um deles, e escolher as dimensões. Esta etapa é muito importante, pois ela é determinante para o cálculo do frete. 
  10. Vamos definir agora o peso do produto. Assim como o tamanho da embalagem, o peso é fundamental para o cálculo do frete, por isso preencha com atenção e clique em CONTINUAR. 
  11. Agora vamos preencher o preço do produto. Caso o seu produto esteja com um preço especial, você já pode inserir aqui. Depois é só clicar em CONTINUAR. 
  12. Nesta etapa, você deve descrever o seu produto. Lembre-se que quanto maior for o número de informações que você der ao seu cliente sobre o seu produto, maior a chance de vender. Após preencher a descrição do produto, clique em CONTINUAR.
  13. Você chegará em uma página de conferência. Todas as informações que você preencheu sobre o seu produto estarão aqui. Confira se estão corretas, e caso não estejam, basta clicar na informação para alterá-la. 
  14. Ainda na tela de conferência, existe a opção: PUBLICAR NO MERCADO LIVRE. Caso você tenha interesse em publicar no Mercado Livre você deve ativar essa função. 
  15. Após ativar o Mercado Livre, você deverá selecionar a categoria. Em algumas categorias, será necessário preencher algumas informações como: cor, e tamanho.
  16. No canto superior direito, tem o botão: MAIS OPÇÕES. Quando você clica, surgem as opções: 
  • Criar um produto semelhante – Caso você queira duplicar o produto, ou cadastrar um produto parecido, use esta opção.
  • Ver anúncio no Mercado Livre – Caso você queira ver como o seu produto está cadastrado no site Mercado Livre.
  • Compartilhar produto – Ao clicar neste botão, você tem duas opções: Compartilhar o  produto do Mercado Livre, ou Compartilhar o produto do Bagy. Essas opções são úteis, para quando você deseja compartilhar o link do produto com o seu cliente. 

É importante ressaltar que todas as opções que envolvem o Mercado Livre só irão aparecer quando o produto for compartilhado no Mercado Livre. Caso você não queira vender no Mercado Livre, apenas as opções do Bagy ficarão disponíveis. 

17. Lembrando que você pode escolher quais produtos deseja vender no Mercado Livre, você pode vender apenas 1, 2, 3, todos ou nenhum. Quando estiver tudo certo, clique em SALVAR.  

Os produtos que forem publicados no Bagy e no Mercado Livre, terão o símbolo do Mercado Livre na imagem. Não se preocupe! Esse símbolo só aparece para você, e é apenas uma forma de ajudar você a ter o controle das suas vendas. 

Visualizando os seus pedidos 

No rodapé do aplicativo, clique em PEDIDOS. Todos os seus pedidos aparecerão nesta tela, divididos em duas categorias: 

  • Em aberto – São os pedidos que já foram pagos pelo cliente, mas que você ainda não entregou. 
  • Todos – São todos os pedidos: em aberto, cancelados, e finalizados.

Terá também uma barra de pesquisa, onde você poderá pesquisar por um pedido específico. Nesta tela, você terá o controle de todos os pedidos do Bagy e do Mercado Livre. 

Todas as vezes que algum produto da sua loja for cancelado ou vendido no Mercado Livre, você receberá uma notificação avisando. Ao clicar no pedido, você será direcionado ao site do Mercado Livre, onde irá finalizar o processo. Ao remover um produto do Mercado Livre, lembre-se que ele não será removido automaticamente do Bagy. 

Caso você decida anunciar no Mercado Livre, é importante que você entenda que o Bagy apenas integra os estoques do seu site Bagy com o estoque do Mercado Livre, evitando assim, que você tenha problemas de gestão de estoque. O Bagy e o Mercado Livre possuem políticas de vendas diferentes e o Bagy não se responsabiliza por nenhuma venda realizada por lá. 

Agora que você já entendeu como cadastrar os produtos no Bagy, podem surgir dúvidas sobre o Mercado Livre. Afinal, é necessário entender toda a política do site para decidir se é vantajoso, ou não, vender seus produtos por lá. Por isso, vamos explicar tudo que você precisa saber antes de vender pelo Mercado Livre. Acompanhe! 

Sobre o Mercado Livre 

O cadastro no Mercado Livre é gratuito. Entretanto, é importante lembrar que será cobrada uma Tarifa de Venda que somente será paga ao Mercadolivre quando a negociação se concretizar. Em qualquer caso, a tarifa de venda será calculada sobre: 

a) o valor do produto inserido pelo usuário no anúncio e não pelo valor efetivo da venda; 

 b) a quantidade de produtos (unidades ou conjuntos) vendidos.

Em caso de anúncio de várias unidades de um produto, a tarifa de venda será cobrada sobre o valor total anunciado do conjunto, ainda que a venda seja de parte deste (unidades que o compõem). É importante frisar que o Mercado Livre considera como produto uma unidade ou um conjunto (várias unidades que por qualquer motivo não serão vendidas separadamente).

Esta tarifa tem as seguintes características:

  • Somente será cobrada do vendedor.
  • Será cobrada sobre o valor anunciado e não sobre o valor de venda efetivada.
  • Será calculada por unidade do produto vendido.
  • Também será cobrada quando o vendedor não cancelar a venda no prazo estipulado.
  • Para os anúncios Clássico e Premium, cuja duração é ilimitada, a tarifa de venda que se aplica é a vigente no momento em que a oferta é recebida.

A tarifa de venda a ser cobrada do vendedor, quando uma negociação for concretizada no Mercado Livre, inclui o custo de gestão da venda referente ao uso do Mercado Pago como forma de pagamento do produto. O vendedor receberá uma fatura com o valor do Mercado Pago e outra com o valor do Mercado Livre, sendo que a soma das duas faturas será o indicado na tabela com os custos para vender Produtos e Outros.

Para os anúncios inseridos nas categorias Carros, Motos e Outros, Imóveis e Serviços somente será cobrada uma Tarifa de Anúncio. Os custos associados para anunciar e vender dependem e variam segundo a categoria e o Tipo de Anúncio escolhido pelo vendedor. Em todos os casos, os máximos e mínimos das taxas, dependerão da categoria em que o produto for anunciado e do Tipo de Anúncio escolhido pelo vendedor. 

Quanto custa para anunciar produtos no Mercado Livre? 

É importante lembrar que você poderá anunciar produtos de mais de R$ 6,00. Caso o seu produto custe menos, o recomendado é que você o venda em packs em um mesmo anúncio.

É importante ressaltar que o Mercado Livre só estornará a tarifa de venda de um produto quando o vendedor cancelar a venda dentro do prazo estipulado, indicando que ela não foi concretizada. Depois do término do prazo de cancelamento da negociação, o Mercado Livre decidirá a seu exclusivo critério se irá estornar as tarifas geradas referentes ao anúncio. Caso não ocorra automaticamente, mas entenda que tem direito ao estorno, o vendedor tem um prazo de 90 dias a partir da data da oferta para solicitá-lo. Nas categorias Carros, Motos e Outros, Imóveis e Serviços (Categorias Especiais) não serão estornadas as tarifas de anúncio. 

O Mercado Livre somente estornará automaticamente as tarifas de venda (cancelando-as) quando verificada a existência das duas condições indispensáveis descritas a seguir:

  • O vendedor tentou de todas as formas concretizar a venda, mas não conseguiu por culpa do comprador e,
  • O vendedor cancelou a venda, deixando claro que ela não foi concretizada.

O Mercado Livre também poderá remover aqueles anúncios cujo preço final não esteja suficientemente claro ou que permitam algum tipo de variação. Além disso, o Mercado Livre também poderá remover qualquer anúncio em desacordo com as políticas e regras do site, ocasião em que não haverá estorno ou devolução de tarifas pagas ou a pagar relativas ao anúncio excluído.

Sobre o período de faturamento e cobrança 

As Tarifas geradas pelo Usuário serão faturadas pelo Mercado Livre e encaminhadas ao Usuário por e-mail, com a informação dos respectivos vencimentos e valores de cada fatura. Para o Mercado Livre, o e-mail de aviso de faturamento representa suficiente notificação da dívida. O usuário vendedor deverá indicar o cancelamento da venda dentro do prazo estipulado, indicando que ela não foi concretizada. Caso a fatura contenha cobranças que o usuário entenda incorreta, após cancelar a venda, deverá registrar uma contestação à cobrança.

Todas as informações sobre a conta, última fatura, comissões a faturar, estão disponíveis em Minha Conta. Nesta página você também terá acesso aos valores estornados, estornos e pagamentos realizados. 

O Mercado Livre informa os saldos em aberto por e-mail automático, após a conclusão da venda. É importante lembrar que a suspensão da conta, a seu pedido ou por iniciativa do Mercado Livre, não invalida as faturas em aberto. 

Vencimento das Faturas 

Todas as faturas deverão ser pagas dentro do prazo mencionado no e-mail com a Fatura Eletrônica. O valor total da fatura pode incluir débitos anteriores que estejam em atraso. Para verificar o saldo acesse Minha conta > Faturas, você terá acesso às seguintes seções e às respectivas informações:

  • Faturas a pagar: para verificar as faturas em aberto.
  • Tarifas não faturadas: para verificar as tarifas que ainda não foram faturadas.
  • Histórico de faturas: para consultar todas as movimentações realizadas e todos os pagamentos identificados nos últimos cento e vinte dias.

Os valores recebidos a título de pagamento de tarifas serão aplicados contra as faturas na ordem em que elas foram emitidas, ou seja, serão quitadas as faturas mais antigas primeiro.

Os valores negativos que por acaso apareçam em uma fatura, representam um crédito que assiste ao usuário, proveniente de um pagamento antecipado ou de um estorno (cancelamento de uma cobrança) após o pagamento da fatura.

Os juros por pagamento em atraso incidirão a partir da data de vencimento. O Mercado Livre enviará um e-mail para os usuários que ainda não tiverem quitado o pagamento no dia do vencimento da fatura. Após este prazo, os usuários que estiverem com o pagamento em atraso poderão ter a conta suspensa para venda até que o pagamento seja realizado. O Mercado Livre tem o direito de tomar as medidas legais cabíveis para receber os valores em atraso.

O Mercado Livre pode ser um excelente canal para divulgar os seus produtos, e agora com a integração com o Bagy você pode controlar tudo em um só lugar. Que tal começar a usar essa funcionalidade o quanto antes? Se você ainda não é cliente Bagy, clique aqui e teste grátis!